quarta-feira, 12 de novembro de 2014

É preciso ter lata.



Um dos pontos altos do dia de hoje foi o almoço no Mc, no entanto, não posso também deixar de referir a visita que fizemos  a um centro de investigação da universidade. Foi das melhores coisas de sempre.
Vimos o sacrifício de um ratinho, não foi a primeira vez mas o ratinho de hoje tinha poucos dias de vida. Era super fofo e até estivemos com ele nas mãos mas, infelizmente já tinha o seu destino traçado. 
Senti-me super bem naqueles corredores que são percorridos todos os dias por cientistas e, ver de perto um pouquinho do trabalho deles é mesmo fascinante. 
Tivemos ainda a oportunidade de conversar com uma estudante de doutoramento que está nesse centro de investigação e  concluiu a licenciatura que frequento. Foi bom ter uma ideia das oportunidades que teremos pela frente.
 Como disse a professora que nos acompanhou: " É preciso ter lata!" 
Temos de ter contactos, correr atrás, mostrar interesse e, quem sabe se não surge uma boa oportunidade.

6 comentários:

  1. A parte laboratorial por acaso não é algo que me fascine lá muito, muito menos quando se sacrifica animais para tal. Acho que não teria estofo para isso. Já agora estás a tirar que licenciatura?

    ResponderEliminar
  2. Um dia vais estar nesse mesmo local, a trabalhar.

    ResponderEliminar
  3. Ter lata e, por vezes, uma cunha também dá jeito. xD

    ResponderEliminar
  4. É bem verdade! Os contactos são cada vez mais importantes!

    ResponderEliminar
  5. Adoro a parte laboratorial, com a exceção de ter que sacrificar animaizinhos. Não gosto nada disso.
    Vai correr tudo bem e as oportunidades chegar-te-ão. Tens é que lutar e fazer por isso. Boa sorte.

    ResponderEliminar

Faz barulho *